A importância do feedback em processos de seleção

A IMPORTÂNCIA DO FEEDBACK EM PROCESSOS DE SELEÇÃO

A procura por empregos teve um aumento significativo a partir do ano de 2020, um dos fatores predominantes foi a pandemia da Covid-19 que ainda assola a humanidade. Com o aumento da demanda por emprego, consequentemente aumentou a demanda de profissionais para determinados setores.

Contudo, durante os processos de recrutamento e seleção de candidatos existem expectativas por parte dos candidatos que buscam por uma recolocação, além disso também existem as expectativas dos profissionais de RH que precisam atender várias demandas internas para as contratações ou demissões.

É inevitável que com a limitação de vagas e a grande procura vinda pelos candidatos ocorra uma incompatibilidade e muitos profissionais acabam sendo desconsiderados para a oportunidade, ou por vezes muitos participantes desistem de concorrer, dado a muitos motivos que podem vir a ocorrer.

A necessidade de um feedback no processo de recrutamento é um fato que deve se levar muito a sério, de modo geral, o feedback é esperado vindo dos Recrutadores, mas quando o candidato desistir de dar continuidade ao processo é muito importante que haja essa comunicação com o profissional de RH, pois assim irá contribuir para que um próximo candidato que necessita da vaga consiga de forma mais rápida uma possível contratação.

Como tornar os processos mais humanos e eficientes

Uma das maiores queixas de muitos candidatos é a falta de retorno dos Recrutadores, só quem já passou por esse tipo de situação sabe o quanto a busca por emprego poderá se tornar frustrante quando ocorre essa negligência.

Para que os processos se tornem mais humanizados e eficientes, é necessário alinhar a boa prática de feedback levando em consideração o quão longe chegou aquele candidato e sempre dar a devolutiva aos participantes, inclusive para aqueles cujo o currículo não passou da primeira fase, por mais que sejam um número relativamente grande de participantes do processo, todos esperam ao menos este retorno.

Portanto, para que o processo no todo se torne ainda mais eficiente, é importante realizar um bom feedback. Pois existe uma diferença entre apenas falar e ser entendido, quando o feedback está vinculado a uma notícia de descontinuidade em um processo de seleção, seja pelo motivo que for, o cuidado em como realizar o retorno para o candidato é uma premissa.

Para tanto, é preciso valorizar as características positivas do profissional, depois abordar as melhorias, focando na situação e não na pessoa. Por exemplo, elogiar a facilidade em falar em público e abordar a necessidade de um ambiente e uma equipe colaborativa, ao invés de dizer que a pessoa se monopolizou ou dificultou a dinâmica, sempre buscando argumentar sobre como são os valores da empresa, o que ela espera alcançar no candidato e se possível, fornecer dicas e recomendações para a realização de um aprimoramento que seja necessário e que possa beneficiar o mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *